Termas de Ibirá tem turismo, saúde e água milagrosa no interior paulista

Termas de Ibirá tem turismo, saúde e água milagrosa no interior paulista
5 (100%) 2 votes

Localizada a 400 km de São Paulo, entre São José do Rio Preto e Catanduva, a pequena e bucólica Ibirá é uma cidadezinha do interior que oferece uma excelente qualidade de vida. Com aproximadamente 11 mil habitantes, o núcleo urbano tem um bom comércio, além de uma praça com um coreto cercado por deliciosas sorveterias e um pequeno playground para a alegria das crianças.

Veja Também
Socorro, circuito das águas paulista, com opções de lazer em meio à natureza
Martinópolis Tem Balneário, Eventos E Turismo Religioso No Oeste Paulista

Rodando mais 7 quilômetros, a cidade oferece um reduto de paz e tranquilidade. Termas do Ibirá é um bairro mais afastado que proporciona ótima opção de relaxamento aos visitantes. O local é conhecido por suas cinco fontes de águas e abriga um enorme parque, onde o turista pode aproveitar os lagos para andar de pedalinho, realizar pesca esportiva ou simplesmente caminhar pelas alamedas floridas de ipês. Uma pequena ilhota e uma mini península, que serve de habitat para gansos, pequenos marrecos, patos e pássaros.

prefeitura municipal de ibirá
Foto por Prefeitura municipal de Ibirá _ Departamento de Turismo

O Balneário funciona de segunda a segunda-feira e oferece uma série de ótimos tratamentos, como: banhos de imersão, saunas úmidas e secas, duchas escocesa e circular, hidromassagem e chuveiro agulha, o local também tem aluguel de toalhas, áreas de lazer, piscinas com tobogãs e pistas de caminhada. Na área ao redor do balneário, lojinhas comercializam pingas, doces, queijos, geleias e um restaurante panorâmico, que garante bons filés e massas deliciosas a preços bem convidativos.

balneário em ibirá
Foto por Prefeitura municipal de Ibirá _ Departamento de Turismo

Ibirá e as suas termas são um local sem estresse e trânsito, oferecendo apenas uma vida calma e tranquila. A cidade abriga o Balneário Evaristo Mendes de Seixas que é bastante procurado por suas águas com alto teor de vanádio, utilizadas para controlar a diabetes e ajudar em tratamentos gástricos. As águas, que são antialérgicas e cicatrizantes, também agem na terapia, garantindo renovar as energias do corpo e da alma. Outro fator importante dos banhos é para o tratamento das pessoas que tem Psoríase, uma doença de pele de origem nervosa, que acomete milhões de pessoas no Brasil e no mundo. 21 banhos de imersão são o tratamento básico que garante mais de 70% de eficácia.O Balneário proporciona também um amplo cardápio de serviços de estética, com massagem corporal e facial.

fontes jorrantes em ibirá
Foto por Cláudio Lacerda Oliva

Nas Termas de Ibirá encontram-se as águas minerais vanádicas, alcalinas e bicarbonatadas, entre outras qualidades distribuídas pelas fontes: Ademar de Barros, Carlos Gomes, Jorrante, Saracura e Seixas. Uma fonte mestra disponibiliza água mineral medicinal da Fonte Ademar de Barros ao sistema de banhos, com capacidade para oferecer até 500 deles por dia.

O Balneário ganhou um novo administrador. Trata-se de Anderson José Lopes, formado em Marketing que depois de atuar em importantes empresas do setor privado, como Vigor, Melitta e Nestlé, recebeu o convite do prefeito municipal para “vender” de forma profissional o local para a iniciativa privada.

Ele está licitando novas lojas, abrindo espaço para investidores e buscando ampliar o público para utilizar as dependências do balneário. A Indústria do Turismo Saúde e das Águas é um dos que mais agregam valor no mundo, principalmente na Europa. Infelizmente no Brasil ainda se vê o Turismo Saúde com preconceito. A maioria dos hotéis da Espanha, França, Itália e Inglaterra cobram diárias com preços bastante significativos, além de oferecer serviços de Spa e Estética que chegam a custar em média entre 70 a 400 euros, por tratamento.

“Aqui ainda não valorizamos essa pérola do turismo”, afirma o Prefeito Municipal de Ibirá, Edvard Alberto Colombo. O atual prefeito é agricultor, natural da cidade e começa a desenvolver um plano estratégico para mostrar o potencial da turístico do local para o mercado. Ele vai desenvolver uma lei que incentive a abertura de novos hotéis, vai incentivar novos restaurantes, e está concluindo um plano de gestão municipal focada no turismo. “Criação de novos atrativos, vender as águas daqui para o mundo é a nossa meta”, conclui.

Colônias de férias tomam conta da cidade

Termas de Ibirá tem sofrido muito com o assédio desenfreado das grandes associações de funcionários públicos na compra de hotéis e pousadas para transformá-los em grandes instalações para receber seus associados. Centro do Professorado Paulista, Afpesp, Apeoespe e até colônia de juízes foram instaladas na cidade. Professores, funcionários públicos, juízes e outras classes de trabalhadores utilizam-se desses espaços para usufruírem de dias de descanso e total relaxamento.

Sinceramente, não existe benefício direto algum para o turismo de Ibirá com a ampliação e o domínio quase que completo dessas colônias de férias na cidade. Na verdade essas colônias são isentas de impostos; O único benefício indireto é a geração de alguns poucos empregos, como garçons, ajudantes de cozinha, camareiras e porteiros, que ganham muito abaixo da classe dos hoteleiros.

O hóspede que frequenta esses espaços sequer vai à cidade para fazer refeições, pois os mesmos oferecem café, almoço, chá da tarde e jantar. Estive neste feriado hospedado numa delas e pude conferir como as mesmas estão acabando com o conceito real do turismo em Termas do Ibirá.

Soube recentemente que o único hotel fazenda da cidade foi comprado e que virará outro deposito de veranistas de classe. A inauguração deve acontecer em julho. Lamentável para o turismo da cidade e excelente negócio para as colônias que ficam sempre lotadas. Os preços são módicos, as refeições duvidosas, os serviços de má qualidade e as instalações sem qualquer avaliação criteriosa. Podem ter certeza que todas elas dão lucros exorbitantes, pois são subsidiadas pelas entidades de classe que pagam mensalmente um valor por serem associadas e principalmente por não pagarem absolutamente nada de impostos aos cofres municipais.

Estou sendo injusto. Vi que alguns funcionários públicos abasteceram o carro, foram à missa e tomaram ao menos um sorvete em Ibirá!

Ibirá e suas termas precisam de divulgação, de público e principalmente de aumento em sua auto estima, pois suas águas são as mais ricas do mundo, seu povo acolhedor e suas fontes o refúgio natural que a natureza deu para a cura do corpo e do espírito!

Texto por: Cláudio Lacerda Oliva
Foto destaque por Prefeitura municipal de Ibirá _ Departamento de Turismo
Fonte: Qualviagem

Everton Lemos

Sou Natural De Brasília, Apaixonado pelo Brasil e suas belezas naturais, procuro sempre conhecer e compartilhar as grandezas do nosso país.

Everton Lemos has 571 posts and counting. See all posts by Everton Lemos

Os comentários estão desativados.