Eldorado, A Amazônia Paulista

Caverna Do Diabo - Eldorado
Eldorado, A Amazônia Paulista
5 (100%) 1 vote
Eldorado, A Amazônia Paulista

Foto: Ken Chu – Expressão Studio

Eldorado São Paulo

Localizado no sul do estado de São Paulo, Eldorado é um destino bastante conhecido para os amantes da espeleologia. Isso porque a cidade abriga a Caverna do Diabo, a maior do Brasil. Mas essa não é a única atração do lugar. Considerado o 4º maior município paulista, possui mais de 70% da sua área coberta por Mata Atlântica intacta.

A região é apelidada de “Amazônia Paulista” e não é a toa. Cachoeiras e trilhas completam o clima de paraíso de ecoturismo.

Destaque para a cachoeira Queda do Meu Deus, que já foi eleita como a mais bonita do estado. Com uma imensa queda de 53 metros, sua origem está numa nascente em área fechada, que atravessa quatro quilômetros no interior da Caverna do Diabo.

O acesso mais curto para a bela cachoeira é uma caminhada de dificuldade média (uma hora), que passa por piscinas naturais com água cristalina e três quedas menores. Há outro caminho pela trilha completa do Vale das Ostras (cinco horas), incluindo mais 11 quedas. Nesse caso é obrigatório contar com a presença de um monitor.

Entre as trilhas, Eldorado tem para todos os gostos, mas prevalecem as mais longas. Alguns percursos exigem cinco horas de caminhada e levam às grutas selvagens do Rolado I, II e III. Já a Trilha do Lamarca fica a 43 km da cidade e o passeio começa no carro em direção ao Rio Batatal, tendo uma bela vista de águas límpidas, apresentando trechos de corredeiras e curvas fechadas.

As grandes atrações do roteiro ficam por conta das cachoeiras Santa Isabel, com cerca de 15 metros, e a cachoeira da Luz com 65 metros de altura que, encravada em um paredão de rocha em área de Mata Atlântica preservada, forma um dos mais belos cenários do município.

A trilha de acesso tem 1,5 km e passa por várias piscinas naturais, além outras cachoeiras. Apesar da baixa profundidade média desse rio, em alguns locais, é possível a prática do boia-cross. O percurso de descida é de aproximadamente 2,5 km de rio. No caminho encontra-se um toboágua natural de 10 metros, é divertidíssimo!

Caverna Do Diabo - Eldorado

Foto: Ken Chu – Expressão Studio

Se a Caverna é o ponto mais famoso, nada de sair da cidade sem visitá-la. Com 3200 metros – e cerca de 700 deles abertos a visitação -, é repleta de amplas galerias e formações rochosas. Entre seus salões iluminados, destacam-se: o Templo Perdido, Guardião, Galeria dos Órgãos, Branca de Neve, Cemitério, Perfil de Buda e Caldeirão do Diabo.

Onde ficar

Pousada Ecológica Recanto das Águas

Pousada Arapassu

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque: Ken Chu – Expressão Studio

Fonte: qualviagem