Olímpia é destino de folclore e águas termais

Olímpia - sp
Olímpia é destino de folclore e águas termais
5 (100%) 1 vote

Olímpia - sp

Olímpia é destino de folclore e águas termais

A cidade de Olímpia possui localização privilegiada em relação aos grandes polos do estado de São Paulo. Está localizada na região do Aquífero Guarani, em uma região privilegiada no noroeste paulista. Em cerca de três horas, turistas saídos dos aeroportos de Bauru, Campinas, São Paulo ou São José do Rio Preto encontram as águas termais em um completo parque aquático. Graças ao Thermas dos Laranjais, a cidade é um dos destinos turísticos mais procurados do estado e foi reconhecida, recentemente como Estância Turística.

Olímpia - sp

Com pouco mais de 50 mil habitantes, Olímpia é destino ideal quem gosta de diversão, cultura e procura lazer por perto.

No último ano, turistas de São Paulo e outras regiões foram atraídos para o destino. Nada menos que 1,65 milhão de turistas foram em busca de refresco e aventura. Isso torna o Thermas dos Laranjais o parque mais visitado do Brasil.

Olímpia - sp

E por conta da grande movimentação de turistas na região, empreendedores escolheram Olímpia para investir. Obras do setor hoteleiro estão espalhadas pelos quatro cantos da cidade e a previsão é de que, até 2016, a cidade ofereça mais de 20 mil leitos para turistas. As opções, hoje, vão de pousadas simples, próximas tanto do parque quanto do centrinho da cidade, até resorts com estrutura completa e acesso direto às águas termais do parque.

Com piscinas que variam de 26ºC e 38ºC de temperatura, tem atrações para todas as idades e tipos de aventureiros. A Asa Delta chama a atenção de todos os visitantes tanto por seu tamanho quanto pela adrenalina expressa por quem se arrisca a experimentá-la. São 260 mil m² de área com 55 atrações. Algumas tradicionais (com ondas e correnteza), outras mais criativas, como a de ressurgência (um sistema movimenta a água e faz com que o banhista não afunde) e a única pista de surfe do Brasil. A mais recente é o Rio Selvagem, um rio de corredeira rápida, com túneis, cachoeiras, efeitos sonoros e luminosos, seu percurso será feito em boias com capacidade para até 8 pessoas.

Além das disputadas águas termais, a cidade é conhecida por ser a Capital do Folclore, contando com um Museu que abriga um dos mais completos acervos sobre o assunto. Essa história começou em meados dos anos 1950, com o ex-professor de língua portuguesa José Sant’anna. Ele se apaixonou pelo assunto durante sua atividade pedagógica e realizou pesquisas e trabalhos sobre o folclore brasileiro. No ano de 1965, consagrou o primeiro Festival do Folclore de Olímpia (Fefol).

Por conta disso, anualmente no mês de agosto a cidade realiza o Festival Nacional do Folclore, um espetáculo impar, que reúne grupos tradicionais de todo o Brasil. Reconhecido como o maior do gênero no país, destaca-se por preservar e celebrar a cultura brasileira.

O festival é realizado na Praça de Atividades Folclóricas “Professor José Sant’anna”, o único recinto do gênero, conhecido mundialmente e por onde passam durante o festival mais de 150 mil pessoas. A cada ano, um estado brasileiro é homenageado pelo Fefol.

Olímpia - sp

O museu abriga um dos mais completos acervos sobre o tema. São mais de três mil peças entre indumentárias diversas como vestuários de Folia de Reis, Congadas, Reisados, Moçambique, peças de barro, bambu, madeira, couro, ágate, toalhas com abrolhos, trabalhos em palha, crochê, pinturas pitorescas, instrumentos, livros relacionados, entre outros. A mais antiga e valiosa das peças fica na parte externa do museu. Trata-se de uma locomotiva que, de 1940 a 1950, fez a ligação entre Olímpia e o resto do Brasil.

E apesar de pouco conhecido, o turismo rural de Olímpia reserva propriedades rurais que oferecem aos turistas opções como acompanhar a produção e cultivo de orquídeas, conhecer o processo produtivo da cachaça feita artesanalmente e caminhar por trilhas com árvores nativas. Na Gruta do índio, por exemplo, localizada na Fazenda Floresta, é possível caminhar por trilhas que percorrem uma mata centenária.

Para conhecer um pouco mais sobre a cidade, a dica é visitar seu centro para descobrir o artesanato local, principalmente o trançado-estrela – técnica indígena – e as igrejas Matriz de São João Batista – com obras em madeira do escultor espanhol Luiz Noguer e afrescos de José Perez – e Nossa Senhora Aparecida.

Região rica em estrutura

São José do Rio Preto, distante cerca de 50 quilômetros de Olímpia, é considerada a capital cultural, social e gastronômica do noroeste paulista. Focada principalmente no turismo de negócios, apresenta estrutura para receber turistas da capital e de outros estados. Seu aeroporto inclusive é o mais próximo da cidade de Olímpia.

Outra cidade referência para a região é Ribeirão Preto, a 130 quilômetros de Olímpia. Além da estrutura de serviços, com shopping, restaurantes e bares, a cidade também está em uma região com ‘praias’ em pleno interior paulista. Em Rifaina, por exemplo, turistas se refrescar das altas temperaturas típicas à beira da represa Jaraguá, lago artificial do Rio Grande que separa os estados de São Paulo e Minas Gerais.

SERVIÇOS

Como chegar

O município de Olímpia localiza-se na região Noroeste do Estado. Em situação privilegiada em termos de acessibilidade, encontra-se a 429 quilômetros da capital, São Paulo, a 50 quilômetros de São José do Rio Preto, a 49 quilômetros de Barretos. O acesso a Olímpia se dá pelas Rodovias Assis Chateaubriand – SP 425 e Rodovia Armando de Salles Oliveira- SP322.

Onde ficar

Royal Thermas Resort & Spa

www.royalthermasresort.com

Hotel Lazer Villa Itália

www.hotelvillaitalia.com.br

Tuti Resort

www.thermasolimpiaresort.com.br

Hotel Mirante da Bela Vista

www.hotelmirantedabelavista.com.br

Onde ir

Thermas dos Laranjais

www.termas.com.br

Museu do Folclore

www.folcloreolimpia.com.br/?abre=ofestival=museu-do-folclore

H2A Bar e Boliche

www.h2aboliche.com.br/

Onde comer

Dat Badan

www.restaurantedatbadan.com.br

Texto por: Eliria Buso

Fotodestaque por Divulgação/ Thermas dos Laranjais