São Tomé Das Letras – MG

São Tomé Das Letras – MG
5 (100%) 1 vote
São Tomé Das Letras
Pirâmide: Construção é ponto de encontro na hora do pôr do sol

Por Que Ir Para São Tomé Das Letras

O astral místico – reforçado pelas construções em pedra -, as cachoeiras e as grutas fazem de São Tomé das Letras um dos destinos mais concorridos de Minas. O turismo predatório, porém, por pouco não destrói os encantos da cidade, que hoje está inserida em roteiros oficias que visam proteger os atrativos da região.

A 1.444 metros de altitude, a rústica cidadezinha exibe uma das vistas mais exuberante da Serra da Mantiqueira. Do alto da Casa da Pirâmide, uma construção abandonada feita em pedra, vislumbra-se 360 graus de um mar formado por montanhas, que ganha cores mágicas na hora do pôr do sol.

Nos vales ao redor estão escondidas cascatas, corredeiras, grutas e mistérios que atraem turistas e esotéricos – alguns acreditam que a região abriga uma passagem secreta para Machu Picchu, a cidade sagrada dos Incas, no Peru.No Centro da cidade as atrações ficam por conta da arquitetura em pedras sobrepostas, como a da igreja do Rosário; dos restaurantes que capricham nas deliciosas receitas mineiras e das lojinhas de artesanato.
Místico ou não, é impossível passar pelo comércio e não se encantar com as velas, os incensos e as casinhas em pedra São Tomé, o souvenir típico da região.

São Tomé Das Letras - MG
CACHOEIRA DA EUBIOSE

CACHOEIRAS EM S. TOMÉ DAS LETRAS

Dezenas de cachoeiras escondem-se pelos vales que emolduram São Tomé. As mais próximas do Centro costumam ficar movimentadas nos feriados, como a da Eubiose e a do Flávio; além de Véu da Noiva, uma das mais bonitas. A maioria tem fácil acesso e piscinas naturais.

VÉU DE NOIVA

A cachoeira é uma das mais visitadas de São Tomé, com 25 metros de queda que forma piscina natural perfeita para banhos. A pequena praia em meio às pedras é concorrida. Fica a 12 quilômetros do Centro.

CACHOEIRA DA EUBIOSE

É uma das mais próximas da cidade e de fácil acesso – por trilha leve, de apenas 500 metros. A pequena queda forma uma piscina rasa e boa para banhos. Fica a três quilômetros do Centro.

CACHOEIRA DO FLÁVIO

Procurada por famílias, tem fácil acesso e quedas que formam poços rasos para a alegria da criançada. Uma ducha natural é disputada por freqüentadores de todas as idades. Fica a sete quilômetros do Centro.

SHANGRI-LÁ

As corredeiras formam pequenas quedas d’água e poços para banho. Pinturas rupestres são observadas ao longo da trilha de acesso, com um quilômetro de extensão. É recomendável contratar guia. Fica a 20 quilômetros do Centro.

GARGANTA DO DIABO

Uma das cachoeiras menos conhecidas da região, Garganta do Diabo é a preferida dos adeptos do rapel. A queda fica a apenas 500 metros do Vale das Borboletas – um dos cartões-postais de São Tomé – mas o acesso não é dos mais fáceis, incluindo trilha pesada e escalada em meio à mata.

São Tomé Das Letras - MG
Explorar as grutas

Explorar as grutas

Nem todo mundo tem coragem de entrar nas diversas grutas da cidade, mas vale a pena explorar a do Sobradinho, uma das mais bonitas, com 150 metros de extensão, pequena cascata e poço de águas limpas. Já a do Labirinto, toda em quartzito e com cem metros, deve ser visitada com o acompanhamento de guias, uma vez que tem diversas saídas. Uma das mais misteriosas é a do Carimbado – dizem que seu fim nunca foi  descoberto e, de acordo com os místicos, é uma passagem secreta que leva à Machu Picchu, a cidade sagrada dos Incas, no Peru. No Centro – ao lado da Matriz -, fica a pequena gruta de São Tomé, com pinturas rupestres e fácil acesso.

Deixe Um Comentário