Itatiaia – RJ

Itatiaia – RJ
5 (100%) 1 vote
Itatiaia
Itatiaia-rj

Por Que Ir Para Itatiaia

Itatiaia tem o ecoturismo em seu DNA: é lar do primeiro parque nacional brasileiro, inaugurado em 1937 pelo então presidente Getúlio Vargas. A área de preservação ambiental é dividida em duas: a parte alta, próxima de Itamonte, em Minas Gerais, é ponto de partida para trilhas mais duras que levam até ao Maciço das Prateleiras (2548 metros) e ao Pico das Agulhas Negras (2791 metros). Esta área, uma extensão da Serra da Mantiqueira, é a meca de montanhistas de todo o Brasil, mas carece de boa infraestrutura. Dentro do parque não há restaurantes ou um serviço estruturado de apoio ao turista. Já a parte baixa, no Rio de Janeiro, de longe a parte mais movimentada e que recebe mais visitantes, conta com passeios leves e perfeitos para um dia, com belas paisagens e cachoeiras com piscinas naturais, com a Véu de Noiva e Itaporani.

As opções para hospedagem são razoáveis, mas há poucos restaurantes na região.

COMO CHEGAR

O município de Itatiaia fica próximo ao limite entre os estados de São Paulo e Rio de Janeiro, junto à BR-116 e não muito distante de Penedo e Resende, a principal cidade da região. É para lá que ruma boa parte dos ônibus turísticos que servem a região. No entanto, se quiser mobilidade, é preciso estar motorizado.

Acesso ao Parque

Uma estrada asfaltada de 5 km vai do centro de Itatiaia, junto à Via Dutra, até a portaria da parte baixa do Parque Nacional de Itatiaia.

O acesso para a parte alta é pela BR-354, que liga a Via Dutra (na altura de Engenheiro Passos) a Itamonte-MG. Uma entrada sinalizada na Garganta do Registro (km 0) indica o começo do trecho de terra precário. Essa estradinha, que exige veículos 4×4 em dias de chuva forte, leva à portaria conhecida como Posto 3, ou Posto Marcão (14 km) e ao Abrigo Rebouças (mais 3 km), onde ficam o estacionamento e o início das trilhas. Na primavera e no verão, durante os meses de muita chuva, a estrada até o Abrigo Rebouças fica fechada por causa da reprodução de espécies de sapos na região.

Mais informações na sede do parque (24/3352-1292, das 8h às 17h). Preços: o ingresso custa R$ 11 no primeiro dia (há descontos para os demais).

QUANDO IR

Em janeiro, fevereiro e de outubro a dezembro, o clima quente favorece os banhos nas cachoeiras na parte baixa. No entanto, como são períodos chuvosos, algumas atrações podem fechar se houver risco de tromba-d’água. Nesse caso, apenas a Cachoeira Véu de Noiva recebe visitantes. O céu fica mais limpo e quase não chove entre maio e agosto, melhores meses para visitar a parte alta (reforce a mala com agasalhos, já que a temperatura cai muito nessa época).

Itatiaia
Pedra Da Tartaruga

Parque Nacional Do Itatiaia

Inaugurado em 1937 por Getúlio Vargas, é o primeiro parque nacional do Brasil. São duas portarias. A de Itatiaia dá acesso à parte baixa, cheia de atrações indicadas para famílias.

É comum ver casais com crianças circulando próximo ao Centro de Visitantes, onde há estacionamento e um pequeno museu. Nessa área, poços e cachoeiras têm acesso fácil, e o carro pode ficar estacionado próximo do início de cada trilha. Um projeto de privatização prevê a construção de restaurante, lanchonetes e área para piquenique, mas por enquanto o que existe é apenas um restaurante aberto ao público dentro do Hotel Ypê – levar água e lanche é uma boa dica.

A segunda portaria fica na parte alta, em Engenheiro Passos. Ali ficam as trilhas mais pesadas, que dão acesso ao Maciço das Prateleiras e ao Pico das Agulhas Negras. Para explorar essa parte é altamente recomendável contratar um condutor de visitantes.

Acesso: Uma estrada asfaltada de 5 km vai do centro de Itatiaia até a portaria da parte baixa. O acesso para a parte alta é pela BR-354, que liga a Via Dutra a Itamonte-MG. Uma entrada sinalizada na Garganta do Registro (km 0) indica o começo do trecho de terra precário. Essa estradinha, que exige veículos 4×4 em dias de chuva forte, leva à portaria conhecida como Posto 3, ou Posto Marcão (14 km) e ao Abrigo Rebouças (mais 3 km), onde ficam o estacionamento e o início das trilhas. Na primavera e no verão, durante os meses de muita chuva, a estrada até o Abrigo Rebouças fica fechada por causa da reprodução de espécies de sapos na região.

Melhor época: Em janeiro, fevereiro e de outubro a dezembro, o clima quente favorece os banhos nas cachoeiras na parte baixa. No entanto, como são períodos chuvosos, algumas atrações podem fechar se houver risco de tromba-d’água. Nesse caso, apenas a Cachoeira Véu de Noiva recebe visitantes. O céu fica mais limpo e quase não chove entre maio e agosto, melhores meses para visitar a parte alta (reforce a mala com agasalhos, já que a temperatura cai muito nessa época).

Informações: Na sede do parque, 3352-1292 (8h/17h).

Preços: na parte alta ou baixa, o ingresso cheio custa R$ 11 no primeiro dia (há desconto para os demais). A lista de condutores de visitantes para as atrações da parte alta está no icmbio.gov.br/parnaitatiaia.

Itatiaia - RJ
Cachoeira Itaporani

Cachoeira Itaporani

A principal atração é uma piscina natural de águas esverdeadas, profunda e com pouca correnteza, formada por três pequenas quedas. Acesso por trilha leve de 20 minutos, que começa no estacionamento ao lado da ponte do Maromba.

Itatiaia - RJ
Travessia Ruy Braga

Travessia Ruy Braga

Trilha pesada, que requer experiência. Começa no Abrigo Rebouças e segue até a parte baixa, em Itatiaia, num percurso de 27 km – a travessia, de dez horas, pode ser feita em um ou dois dias, com pernoite no Abrigo Massena. No percurso avista-se o Maciço das Prateleiras e o Pico das Agulhas Negras. É preciso autorização do parque (em abrigoreboucas) e acompanhamento de guia (R$ 120, em média).

Itatiaia - RJ
Cachoeira Lago Azul

Cachoeira Lago Azul

O nome engana, já que tem água esverdeada, mas vale o passeio. São apenas 15 minutos a partir do Centro de Visitantes – com chuva, os 120 degraus da trilha exigem atenção.

Itatiaia - RJ
Mirante Último Adeus

Mirante Último Adeus

Depois de estacionar o carro em um recuo na estrada, você avista o parque e o Vale do Rio Campo Belo. O nome da atração remete à lenda de uma baronesa que iria ao local para se despedir de seu marido.

Itatiaia - RJ
Lago Azul

Passeio No Lago Azul

O Lago Azul, dentro do Parque Nacional do Itatiaia, É um grande poço de águas tranquilas e, ao contrário do que indica o nome, esverdeadas. São apenas 15 minutos a pé a partir do Centro de Visitantes (com chuva, os 120 degraus da trilha exigem atenção).

Itatiaia - RJ
Cascata Do Maromba

Cascata e Piscina Do Maromba

Tem piscina natural tranquila e bela vista da mata. Sua pequena cascata, ao lado da ponte sobre o Rio Campo Belo, fica perto das trilhas para as quedas Itaporani e Véu de Noiva e de um estacionamento.

Itatiaia - RJ
Morro Do Couto

Morro Do Couto

Mais extensa (3 km) e menos íngreme que as demais trilhas do parque nacional, é a mais indicada para iniciantes. Do alto do morro, o segundo ponto mais alto da área de preservação, a vista inclui as Prateleiras, a Pedra da Tartaruga e o Pico das Agulhas Negras. Requer guia (R$ 45, em média) e autorização do parque (abrigoreboucas.com.br).